Lições que aprendi e que me ensinaram a viver uma vida sem arrependimentos…

 

Demorei para descobrir quem eu era, para assim poder preparar o terreno para ser quem eu estava prestes a me tornar. Vivi anos emocionantes e desafiadores. Por um lado, nunca mais fui livre para se divertir e perseguir tudo o que me excita. Por outro lado, estava definindo a trajetória para o meu futuro, tanto pessoal quanto profissional. A pressão para seguir em muitas direções diferentes, juntamente com a ansiedade que vem de opções e inexperiência, fez com que minha vida fosse bem complicada de se administrar.

Então, aqui estou, depois de realizar um sonho de juventude… prestes a dar mais um passo. Novamente entro no palco da minha vida, mas agora para levá-la de modo mais simples, leve, saudável e produtivo.

Diversão…

Ouvindo meu amigo André em um pub da Nova Zelândia me dizendo que as pessoas devem viver o presente, o agora…  o dinheiro que você faz não pode comprar a liberdade, amizades ou espontaneidade. Muitas pessoas teriam prazer em ter uma chance de voltar no tempo e ter as experiências que eles trocaram.

Relacionamentos significativos…

Sucesso é mais sobre quem você conhece do que o que você sabe. Coloquei meu foco na criação de relacionamentos significativos, em vez de simples contatos. Contatos são superficiais. Relacionamentos significativos, por outro lado, são ligações profundas em que a outra pessoa torna-se um defensor para você e apoia ativamente o seu sucesso.

Ignorar os conselhos não solicitados…

Às vezes as pessoas se sentem no direito ou na responsabilidade de te dizer o que deve fazer com sua vida. Embora muitas vezes estejam bem intencionados, muitos destes conselhos estão enraizados em suas próprias inseguranças ou crenças limitantes. Muitas vezes é melhor ignorá-lo.

Descubra o “FLOW”…

Eu defino “fluxo” como o processo de definição de intenções, colocando energia nessas intenções e, em seguida, permitindo que os resultados se desdobrem sem tentar controlar o processo. Quando eu aprendi a confiar que as coisas iriam funcionar, surpreendentemente, aconteceu, e muitas vezes melhor do que eu poderia ter imaginado.

Diga “sim” às oportunidades…

Serendipity favorece aqueles que dizem sim para encontros, eventos, viagens e reuniões, mesmo que não haja uma razão clara para ir. Eu não comecei a fazer isso tarde em minha vida, mas desejava ter começado mais cedo, obrigado Elidi por falar isso na minha cara, só não precisava apontar o dedo no meu nariz…

Arrisque…

Os bens sucedidos se arriscaram durante a vida. Eles conheceram pessoas e tentaram muitas coisas antes de se estreitar em um propósito. Sair para conhecer pessoas, ir a conferências, aprender o máximo que puder, trabalhar duro, iniciar um negócio, agregar valor, etc. Eu tenho o tempo a meu favor, então porque não usar.

 Obtenha um mentor…

Um grande mentor é um modelo que vai derramar gasolina em seu fogo. Encontre alguém cuja vida, carreira e caráter exemplifiquem a visão que você tem para sua própria vida. Mire nessa pessoa, aprenda com essa pessoa e escute seu conselho.

Leia o máximo que puder…

A capacidade de adquirir conhecimento e aprender com os outros ajuda exponencialmente, faça da leitura uma prioridade e comece, não procastine esse prazer.

Cuide-se…

Aprendi a comer direito, exercita-se e meditar, isso tem sido fundamental para minha saúde e com certeza vai contribui para o meu sucesso de uma maneira que eu nunca havia imaginado.

Viagens…

Meu amigo, se viajar não for a melhor coisa da vida, alguém me avise. Atenção que isto é uma força de expressão, porque prazeres existem muitos, mas se há coisas que marcam a nossa memória para sempre são as viagens que fazemos.

Uma palavra final…

O sucesso profissional para mim, é o número de relacionamentos significativos que você multiplicou por quão duro você trabalhou. O sucesso pessoal, em contraste, vem de sua capacidade de manter um estilo de vida saudável ao viver a vida que você quer (e não a vida que os outros querem para você). Construa hábitos que o levem para uma vida saudável e mais satisfatória e lembre-se: não importa sua idade, nunca é tarde, eu comecei com 34 anos… e você vai começar com quantos?

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Blog no WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: