As 3 partes do desenvolvimento pessoal

Certo dia, a Sra. Maureen Robinson, me disse: “Robson, se você quer ser rico e feliz, aprenda bem esta lição: aprenda a se esforçar mais em si mesmo do que em seu trabalho.” Devo admitir que foi a tarefa mais desafiadora de todas. Este negócio de desenvolvimento pessoal dura a vida toda.

Você vê, quando o que você se torna é muito mais importante do que o que você recebe. A pergunta importante a ser feita no trabalho não é: “O que estou recebendo?”. Em vez disso, pergunte: “O que estou me tornando?” O que você se torna influencia diretamente o que obtém. Pense desta maneira: O que você tem hoje, você atraiu se tornando a pessoa que você é hoje?
Portanto: Você pode ter mais – se você se tornar mais…
Eu também descobri que a renda raramente excede o desenvolvimento pessoal. Às vezes, a renda dá um salto de sorte, mas, a menos que você aprenda a lidar com as responsabilidades que a acompanham, ela geralmente diminui de acordo com a quantia que você pode pagar.
É difícil manter aquilo que não foi obtido através do desenvolvimento pessoal. Então aqui está o grande axioma da vida:

Para ter mais do que você tem, tornar-se mais do que você é.

O mercado de trabalho é um lugar exigente. Há muitas oportunidades, mas você precisa se preparar para isso e se preparar para aquilo. Temos que passar uma parte deste ano nos preparando para o próximo ano, e temos que passar uma parte desta década se preparando para a próxima década. Espero que a razão pela qual estamos aqui, parecendo bem, indo muito bem, é porque passamos uma parte da última década se preparando para esta década.

Assim, uma grande parte da vida é gasta se preparando, e parte disso é o desenvolvimento de habilidades. Eu tenho uma boa frase-chave para você começar a desenvolver habilidades que contribuam para o sucesso no mercado de trabalho. Primeiro, começa com desenvolvimento pessoal, auto-aperfeiçoamento, progresso mensurável.
O desenvolvimento pessoal é um impulso. É uma luta, é um desafio. Não haveria nenhum vencedor sem um desafio. Isso é a vida, é a luta e o desafio de desenvolver a nós mesmos e nossas habilidades para ver o que podemos criar em termos de valor no mercado de trabalho.
A vida é toda sobre a criação de habilidades e valor e sendo essas habilidades e valor para o mercado de trabalho, eu pergunto: o que ele irá retornar para você? Agora também tem uma parte social, uma parte espiritual e uma parte física, e vamos falar sobre algumas dessas partes.
Novos hábitos não são fáceis, mas podem ser desenvolvidos. Às vezes, quando você desenvolve muito impulso em uma direção, não é tão fácil mudar, mas é possível. Alguém disse uma vez que o sucesso é 10% de inspiração e 90% de transpiração. Você só precisa ler os livros, aprender as habilidades, se colocar no ritmo, fazer as flexões mentais e se preparar…
A inspiração é boa, mas a inspiração deve levar à disciplina, pois uma coisa é ser motivado, e outra coisa é ser motivado o suficiente para fazer as aulas, fazer a leitura, repetir, passar repetidamente, até que se torne parte de você. E esses são desafios. Eles não são fáceis, mas são desafios que, se você ganhar, lhe faz desenvolver e crescer, é isso que determina seu lugar, seu retorno, seu patrimônio, o valor que você obtém do mercado de trabalho.
Eu divido o desenvolvimento pessoal em três partes. Deixe-me lhe mostrar:

Espiritual
Eu sei que quando você fala em espiritual, você pode entrar em uma discussão em qualquer lugar, mas eu tenho uma única crença que diz que os humanos não são apenas animais. Algumas pessoas acreditam que somos apenas uma extensão e uma forma avançada das espécies animais, mas acredito que os seres humanos são únicos. As qualidades espirituais nos diferenciam de todas as outras criações. Agora sou um amador desse lado, por isso não posso lhe dar muitos conselhos, mas recomendo que você seja um estudante do lado espiritual de sua natureza. E o que você tiver que ler e assimilar para desenvolver essa área, eu sugiro que você faça.

Física
A mente e o corpo trabalham juntos, por isso temos que dar atenção a ambos, mente e corpo. Desenvolvimento da mente e do corpo. No lado físico, você ouviu a frase que diz tratar seu corpo como um templo. Um templo. Trate seu corpo como um templo, não uma fogueira, certo? Um templo. Cuide bem dele.
A única casa em que temos que morar atualmente é o corpo físico que temos e isso faz parte do sucesso no mercado de trabalho. Isso é bem-estar físico. Está se sentindo bem consigo mesmo fisicamente, de modo que você entra no mercado de trabalho com um senso de autovalor, autoconfiança. Fazer isso abrange várias partes, incluindo boa nutrição. Fisicamente você pode fazer muito bem se você apenas prestar atenção. Leia todos os livros sobre nutrição para fazer a sua própria opinião. Há um monte de conflitos estranhos no aspecto nutricional, mas você só tem que ler e decidir por si mesmo um bom plano para você, um bom plano de saúde.
Então, há aparência física. Seja hábil o suficiente para cuidar da sua aparência no mercado de trabalho. Tem muito a ver com a sua aceitação. Uma grande parte disso é como você aparece para outras pessoas – no trabalho, na performance, na empresa, na comunidade. Você diz, bem, as pessoas não deveriam julgar você pela sua aparência. Bem, deixe-me dizer, eles fazem!!! Não baseie sua vida em deveria e não deveria. Apenas baseie sua vida nas realidades. Claro, quando as pessoas conhecerem você, elas julgarão mais do que elas veem, mas no início elas darão uma olhada. Assim, a aparência física faz parte do lado físico do desenvolvimento pessoal.
Seja consciente de si mesmo, mas não autoconsciente. Há um certo ponto de que precisamos estar conscientes de nós mesmos, cuidar disso e depois esquecer. Algumas pessoas se preocupam com sua aparência o dia todo e isso diminui em vez de adicionar. Então cuide disso, e depois deixe ir. Faça o melhor que puder e deixe que o trabalho seja feito. Seja consciente de nós mesmos, mas não ao ponto de ser autoconsciente.

Mental
Aqui está a terceira parte para o desenvolvimento pessoal: a mente. Ampliando sua mente, desenvolvendo bons hábitos de pensamento, bons hábitos de estudo, buscando ideias e tentando encontrar maneiras de aplicá-las ao comportamento humano e ao mercado de trabalho. Tudo isso requer alongamento da mente e exercício da mente. Parte disso é mergulhar nos hábitos de leitura. Você não pode viver com migalhas mentais, você tem que ter toda a gama de alimentos mentais para crescer. vamos chamar  isso de aprimoramento da mente.
Sua disposição de lidar com assuntos que são difíceis e que a maioria das pessoas decidiu deixar passar lhe dá uma vantagem extraordinária no mercado de trabalho. Como você pode dominar parte das habilidades elevadas, as habilidades extraordinárias que fazem de você um artista incomum, uma pessoa diferenciada? Amplie a sua mente, abra sua mente para novas experiências, já ouviu falar no modo Zeca Camargo? Algumas pessoas pulam poesia, literatura, história e muitas coisas que parecem um pouco difíceis de atacar. Mas se você sempre se afasta de algo que parece um pouco difícil no começo, você se deixa fraco. Você fica despreparado. Portanto, não tenha medo de lidar com as coisas pesadas. Pode ser muito mais fácil do que você pensa depois de aprender e aprender a habilidade se torna perícia.

 

Robson O. Santos

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Crie um website ou blog gratuito no WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: