Transformando adversidades em inspiração…

Sabe qual a diferença entre quem vive os problemas e quem enfrenta seus desafios? A programação mental!!! Como sempre digo – nós nascemos para solucionar problemas, para superar as situações adversas, para vencer os obstáculos e não para sermos vítimas deles. Conheço muitas pessoas assim, que não se deixam abater, que seguem em frente diante das dificuldades, que são resilientes, automotivadas, otimistas, verdadeiras fortalezas de força e fé.

Sabe por que elas conseguem e outras não? Primeiro porque elas decidiram ser maiores que seus problemas. Segundo porque enxergam além, aprenderam a ressignificar os momentos ruins e tirar deles aprendizados, amadurecimento e evolução mesmo nas dores, frustrações, tristezas e perdas.

Tudo que nos acontece, por pior que seja, tem uma mensagem implícita. Quantas pessoas precisaram, por exemplo, sofrer com uma doença grave para tomar consciência do quão importante era viver, cuidar bem da saúde física e mental e estar mais próximo daqueles que ama? Quantos precisaram “perder tudo” para ter tudo que precisavam para ser feliz?

A vida é uma lição constante, não há dia, não há história, não há experiência que não traga algo que agregue algum tipo de experiência evolutiva. Cabe a nós ressignificar estes eventos, transformamos estes problemas em oportunidades de crescimento, de evolução, de empoderamento e de descobrirmos o que realmente é importante, essencial à nossa existência.

Portanto, olhe para si mesmo, olhe para sua vida e busque a partir de agora modificar seu olhar sobre você, sobre as pessoas e sobre os problemas e ao invés de se concentrar nos problemas, abra-se a encontrar soluções e aprendizados que ajudem você a ser uma pessoa, profissional e ser humano infinitamente melhor a cada dia. Pense nisso, aproveite suas oportunidades de ser feliz, foque no bom da vida, e acredite verdadeiramente que todo problema é sim uma chance de crescimento. Permita-se evoluir!!!

Pesquisas recentes dão conta que cerca de 80% das pessoas têm suas competências diminuídas frente a um ambiente de tensão ou de mudança e por isso mesmo, para desenvolver-se com sucesso, é preciso desenvolver a competência emocional da resiliência.

Em linguagem científica, a resiliência é a capacidade de um sistema de superar o distúrbio imposto por um fenômeno externo e manter-se inalterado. A resiliência permite antecipar crises, prever adversidades e se preparar para elas; manter as competências e habilidades, mesmo diante das adversidades; promover as mudanças necessárias com firmeza de propósito e integridade. A resiliência determina nosso grau de defesa ou vulnerabilidade às pressões externas.

Robson O. Santos

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Blog no WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: